Notícias

Veja um comparativo entre Algodão e Poliéster

25 de Setembro de 2019
comparativo entre Algodão e Poliéster

A história da indústria têxtil remonta os séculos de desenvolvimento das civilizações. Desde o Antigo Egito, os teares mais primitivos como o de Circe e de Penélope, já eram parte daquela realidade. No entanto, encontrar matéria-prima nesta época ainda não era algo tão acessível, por isso difundiu-se o cultivo de diversos tipos de fibras como algodão, seda, linho, entre vários outros.

Desde então, mesmo com todos os avanços tecnológicos, o algodão continua sendo um dos materiais mais utilizados na indústria têxtil.

Contudo, outro material também conquistou destaque na confecção de tecidos, pela sua composição sintética e versatilidade: o poliéster. Com uma trajetória de ápices e declínios, este material se adequou às circunstância de cada época, garantindo assim, sua permanência com visibilidade e relevância no mercado.

Esses materiais são os pilares da indústria têxtil na atualidade, por isso trouxemos um breve comparativo entre ambos para que você conheça cada um deles um pouco melhor. Confira!

A produção do Algodão

Colhidas anualmente dos algodoeiros, as fibras de algodão são compostas por celulose. Em seu estado puro, são naturalmente revestidas por cera para proteção de fatores externos, proporcionando impermeabilidade à esta matéria-prima. Curiosamente, esse material é comercializado por sua característica de fácil absorção, e isso se deve aos processos químicos pelos quais o fio é submetido.

Aplicações do algodão no mercado

O tecido de algodão é confortável, arejado e mácio. Por essas características, esse material é uma das principais escolhas dos fabricantes de produtos como toalhas, panos, roupas íntimas, roupas de cama e até mesmo para fabricação de produtos de higiene não tecidos, desde absorventes femininos até fraldas infantis e geriátricas, por exemplo. Além disso, ele também tem sua relevância popular no mercado devido ao seu impacto ambiental, afinal, o material consegue ser sustentável e biodegradável.

E o Poliéster, do que é feito?

O poliester (ou politereftalato de etileno) é o resultado de uma reação química entre petróleo, ar e água, ou seja, essa fibra artificial é um composto de ácido tereftálico purificado e  etilenoglicol, originando o polímero tão conhecido como PET.

Este material é classificado como um termoplástico. Isso quer dizer que pode ser derretido para uma remodelagem, e por isso é capaz de se adequar às mais diversas situações. Além disso, é impermeável e por isso não absorve fluidos. Em relação ao tecido de algodão, os fios de poliéster possuem uma elasticidade muito maior. Vale lembrar que esse material é derivado de petróleo, por isso, não é considerado sustentável, e tão pouco renovável.

Algodão vs. Poliester

Os tecidos de algodão e poliéster não poderiam ser mais distintos. Enquanto o algodão é natural, macio, arejado, de fácil absorção e sustentável, o poliéster encontra-e no lado oposto à estas condições: sua composição é sintética, impermeável e não sustentável.

Contudo, é comum encontrar esses dois produtos juntos no mercado, afinal suas características se complementam..

A escolha a respeito de qual destes materiais seria o mais ideal para você, varia muito de acordo com as suas necessidades, contudo isso pode ser mais fácil com a ajuda dos especialistas da Oyapoc. Oferecemos soluções capazes de atenderem a inúmeras situações com excelência.

Você pode conhecer mais agora mesmo.

Chega de perder as novidades! Assine nossa newsletter e receba tudo em primeira mão.


VOLTAR
Cadastre-se e fique por dentro das novidades
Rua Guaranis, 154 - Nova Americana
CEP: 13.466-140, Americana / SP
19 3462-2500
oyapoc@oyapoc.com.br
  
  
Oyapoc 2019 © Todos os direitos reservados. Desenvolvido por AOX Marketing

SOLICITAR ORÇAMENTO